Por que há questões que são melhor respondidas com novas indagações!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Não diga adeus, diga até logo

Oi amigos queridos,

Na última semana eu vinha me lembrando de um post da Elaine Gaspareto em que ela nos propunha refletirmos sobre "como seria nosso último post". O que gostaríamos de deixar caso deixássemos de atualizá-lo?

E por que estou pensando nisso? É por que neste momento não estou conseguindo mantê-lo. As postagens tem escasseado e as visitas e comentários aos amigos mais ainda. Não estou conseguindo dar conta. Tenho postagens que desejo escrever desde janeiro, como a visita da Gi à minha casa, que foi um dia ultra especial. Já faz algum tempo eu venho perdendo aquela coragem de me expor. E como não tenho conseguido visitar na mesma medida que recebo visitas, me sinto constrangida de escrever novas postagens. Não sei explicar bem o que é. Só que já faz um tempo que tenho pensado no assunto. Desta vez é menos um ato impulsivo do que os que costumo ter. Eu refleti sobre isso!

Não pretendo deletar o blog. Ele me trouxe muitas alegrias e a principal delas foram vocês, os amigos blogueiros (ou não) com quem troquei tantas figurinhas. Vou com saudades. Levo vocês e esta grande experiência em meu coração.

Não sei se voltarei a blogar algum dia. Talvez. Talvez mais cedo do que eu imagino... Sei lá. Não estou fazendo planos. O que sei é que agora não está dando. E a medida mais natural que encontrei foi esta. Não estou com nenhum problema pessoal, só não estou dando conta da vida de cá e da vida daqui. E na hora de escolher, claro, optei pela vida do lado de cá da tela. Mas vocês seguem dentro de mim. 

Como eu aprendi, não devemos dar adeus, mas sim, até logo. A gente sempre se encontra, se esbarra. Há ainda o e-mail, e eu ainda posso visitá-los.

Obrigada por tudo. Foi mesmo um prazer. Agora é hora de nova jornada. 

Um beijo a todos,
Tati.

49 comentários:

Bloguinho da Zizi disse...

Tati
Também estou assim como você faz um tempinho.
Muitas transformações em nossas vidas pedem escolhas e temos que seguir nosso coração.
Nada foi à toa, nada está perdido.
O que se criou é para sempre.
Um dia vamos, qualquer dia podemos voltar e quem sabe aí, com uma nova perspectiva.
Segue te caminho, cuida de vc, do Be e do maridão.
Fica aqui uma pequena oração que faço todos dias e dedico a vc.

Coração Divino de Jesus
vai a minha frente
tornando reto e perfeito
o meu caminho,
mesmo onde não haja caminho.

Muita Luz, Tati.
Beijinhos

Turquezza disse...

Tenho um texto em meu blog:
"Recomeçando ciclos"
dê um pulinho lá e leia.
É isso que está acontecendo com você rsrs
Vá em frente, faça o que der vontade, mas nunca fique sem fazer nada.
Entendo e desejo que seja muito feliz em todos os períodos de sua vida.
Saúde e sorte.
Até.
Beijos.

Bordados e Retalhos disse...

Tati, vc é uma das minhas mais queridas amigas, do blog e da vida. Uma pena não poder mais contar com suas postagens sempre tão inteligentes. Não poder ler as gracinhas do Bê, nossa fiquei triste agora. Mas entendo. Estou tb com muitas dificuldades para manter o minha página, mas por enquanto prefiroo pouco do que nada. Mas, quero te dizer amiga, que você e sua família mora no meu coração. Nas férias de janeiro, se tudo der certo quero encontrá-los novamente. Não esqueça de mim, sempre é um conforto desabafar com vc, mesmo por e-mail. Até logo. Bjs

manuel marques disse...

Até sempre minha querida.

Beijo.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

ôoooo Tati... sério, vc vai fazer falta. não só pelo bom texto, mas pelas idéias, pelas reflexões que vc faz e nos leva a fazer... é uma blogueira das boas, pessoa ainda melhor, fará falta com certeza.

mesmo q vc não fosse mais ao meu blog, por falta de tempo, eu não ligaria... continuaria a ler seus posts, a te visitar. venho aqui porque gosto e sinto que me faz bem, não viria aqui para retribuir, sabe.

acho q mta gente compartilha desse sentimento, ainda mais sabendo que a vida não tá fácil pra ninguém, a correria já se tornou parte do nosso dia a dia né.

mas a gente tem que pensar em vc, respeitar sua decisão, seja ela qual for. o que importa é que vc fique bem, que sua vida vá bem, o resto dá-se um jeito.

e já sabe, qdo precisar, estaremos ai para te dar um abraço, viu?

fique bem... e tenha muitos bons dias, sempre!
dá um bjão no Bê, um abraço pro maridão

Glorinha L de Lion disse...

Querida Tati...não acredito. Vai mesmo parar? Bem, até eu tenho pensado nisso...pois blogar toma tempo, mas preciso dessa ferramenta pra divulgar meus livros, e eu gosto demais de escrever no blog, afinal foi assim que tudo (re)começou pra mim...então, pelo menos por enquanto, continuao. Vc é uma das mais queridas, como a Gi e o Alê falaram, não só pq escreve super bem, mas pelo conteúdo do que escreve...mas entendo, é o seu momento...quem sabe daqui a mais um pouco, volta? Esperamos que sim! E vamos bos falando pelo FB e por emails...não some não! Gosto muito de vc, e é muito sincero quando digo isso...Beijão, beijo no Bê!

Denise disse...

Tati, compartilho com o Alexandre os mesmos sentimentos, e vc sabe que não dependo da retribuição, para estar onde aprendo, me divirto, me emociono.
Lamentarei a falta aqui, mas temos outras formas de comunicação sim, e pretendo usá-las.
Expor-se, seja da maneira que dermos a interpretação, pode ser cíclico, funcional, e deve ser respeitada a vontade - de si mesmo, e do outro.

Vai querida, vc permanece.
Cuida do que precisa neste momento, daqui, torço por vc - sem desistir jamais do abraço, tá bom??
Beijo com carinho

✿ chica disse...

Tati,eu tenho certeza que logo voltarás.

Mas se sentes assim, acho que uma pausa te fará bem e voltarás com energia e garra novamente...

O cansaço faz isso conosco...


beijos, que possas te reenergizar bem e voltar,Torço daqui!

chica

Nilce disse...

Tati você é uma pessoa incrível e claro, vai fazer muita falta.
Mas a vida do outro lado sempre será mais importante.
Vai menina linda e quando voltar se ainda estiver aqui, nos veremos e novamente lerei com gosto teus textos espetaculares.
Até breve!

Bjs no coração!

Nilce

Tatiane Garcia disse...

Chará, eu sou da teoria q o blog tem q ser prazer e não obrigação! Por isso se não está dando, melhor parar. Não acabar pra sempre, mas enquanto seu coração quiser!!
tenho certeza q seus leitores e amigos de verdade vão entender! E claro, nada impede que vc nos visite as vezes ne?????
bjobjo e toda sorte do mundo na tua vida viu????

Marli Borges disse...

Olá Tati!!!
Vai dar um tempo? Ok, amiga.

Sabes Tati, para mim, não há uma linha que separe o virtual do real. Óbvio, a comunicação acontece no modo virtual, mas o tempo que invisto postando e comentando é um tempo real da minha vida. O relógio que o diga. E blogar é um prazer, blogo porque gosto. Se um dia eu deixar de gostar, simplesmente paro. E deu! Rsrs. Portanto amiga, faça o que é melhor pra você, o tempo é seu. Tô contigo, a vida é feita de escolhas.
Tens o meu email, se tiver tempo e quiseres, aqui estou.
Bjsssssssssss

Valéria disse...

Oi Tati!
Que pena!
Sinto, mas entendo. Como tudo ana vida se já não te traz prazer é bom dá um tempo e repensar, reconsiderar prós e contras. Mesmo sendo seu blog já bem estruturado, com uma boa rede de amigos, muitas belas idéias e pensamentos trocados, acho que chega um dia que cansa, não sei, estou iniciando agora... Mas como tem dias nos altos e baixos da vida não me sinto tão bem para estar aqui, então te entendo!
Beijos e até logo...

Blog da Fatima disse...

Oi amiga...
Entendo vc...tbem ando meio assim lá no bloguinho...as vezes penso em fecha-lo, outras vezes penso que vou perder muito caso faça isso. Mas sei bem o que vc está sentindo. Mas isso mesmo, não feche por completo. Deixa ele ai...quietinho....quem sabe vc faz que nem eu e volta e meia, tiras as teias e escreve algoo.

Vá com Deus minha linda!! E sempre que precisar conta comigo.

Bjos no seu ♥

Bia Machado disse...

Tati, estava começando a te conhecer, mas quero que saiba o quanto admiro suas palavras.Espero que possa voltar.Um grande abraço e esteja sempre com Deus a te proteger!

Gilmara Wolkartt disse...

Ei Tati!
A vida é feita por ciclos, talvez esse ciclo tenha chegado ao fim ou ao momento de uma pausa na sua vida. Fiquei tocada com esse seu post. Com certeza suas indagações nos fará muita falta.
Falo de você lá no meu post de hoje. Quero deixar de verdade o meu forte abraço e admiração pela pessoa que você é.
Gd beijo

Meri Pellens disse...

Você, vai voltar sim, eu sei que vai. Isso então é um até breve. Gosto D+ de você e ficarei esperando.
Paz e bênçãos!

Eduardo Medeiros disse...

amiguinha, às vezes eu sinto vontade de parar de vez com os blogues já que eles consomem um tempo considerável que eu poderia estar dedicando à leitura, ao estudo e a assistir filmes antigos (um dos meus hobbys).

por outro lado, eu leio tantos textos bons por aí (como aqui!)que sempre estou navegando nos bons textos dos amigos.

mas também estou mais devagar. parar, acho que não páro, mas parar com um "até logo" é sempre possível.

seja feliz. beijos

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Tati
Chega um momento que temos que fazer opção, e mesmo que seja difícil, é importante. Se o astral não está bom e não lhe trás mais prazer, bom mesmo é dar um tempo pra você. É claro que sentiremos falta, mas vamos aguardar o seu retorno.
Se cuide.
Bjux

Maria Célia disse...

Querida Tati
Entendo perfeitamente seu dilema. Tudo na vida tem uma hora certa.
Se pra você o blog tá se tornando um fardo é melhor dar um tempo.
Sentiremos muito sua falta, como já disse outras vezes, você escreve super bem, é divertida, inteligente e bravinha.
Desejo tudo de bom pra você e família.
Quem sabe você volta antes do que imaginava.
Grande beijo.

Regina Coeli disse...

Olá minha Doce Menina,

Se realmente consegui captar um pouquinho do lhe vai na alma, sei que realmente você está acenando apenas "UM ATÉ BREVE"!!!
Então viva intensamente esse momento de reflexão, de pausa,junto do meu NETINHO BÊ e do VI.
Grande é minha admiração por você!!!
Com minha bênção,
Regina Coeli

pensandoemfamilia disse...

Oi Tati

Lamento sua decisão e penso que não será definitiva. O fato de não fazer visitas não deve ser o mais forte; vontade de escrever e compartilhar, sim.

Vivemos em ciclos e quem sabe esta também seja uma forma de renovar seu pensar sobre blogar.

Sentirei saudades da sua forma espontânea de fazer seus posts, fará diferença não tê-la por aqui.
Temos outras formas de contato e espero que possemos mantê-las e quem sabe eu conhecê-la pessoalmente.
bjs

Teresa Cristina Martins disse...

Oi Tati, sabe, quem é especial deixa marcas. Quando cheguei à blogosfera vc foi uma dessas pessoas que me cativaram por aqui. Então eu quero lhe dizer que mesmo dizendo até logo, a marca que vc deixou foi especial e está aqui, guardada com muito carinho em nossos corações. Um abraço forte em vc e os melhores desejos de amor e felicidades para sua família.

Macá disse...

Tati
Você foi uma das primeiras pessoas com quem comecei a me corresponder aqui no início do meu blog. E vou sentir muito a sua falta, quer dizer, já andava sentindo, porque este ano você (assim como eu) estava um pouco ausente.
Eu entendo bem isso. Outro dia mesmo falei para o Julio: Acho que vou com o blog por uns tempos; não tenho conseguido comentar sempre e isso é muito chato.
Mas depois fico pensando em todas as coisas que vão acontecer por aqui e, bem, estou continuando, mas também está sendo difícil.
Espero que você fique bem e sempre que der uma saudadezinha, corra pra cá. E se quiser conversar também, você sabe o e-mail não sabe?
Um beijo grande pra você e ao Vi e um muito especal ao Bê.
Ah! que pena!!!

Tatiana disse...

O queee???
Naaaaaao!!!
Como assim??? Posta quando quiser, visita quando der, mas não vai embora!!!!
Aiiii....essa parte desse mundo virtual me mata, quando nos apegamos a pessoas queridas como você e elas.."vupt"...desaparecem...
Minha Tati querida, te desejo toda sorte do mundo e espero que seja um ate logo mesmo. Qualquer coisa nos falamos por email,ok??
Beijos muito tristes....

Tatiana disse...

Julho do ano passado, te conheci junto com a Fefa...primeiro ela, e agora você...

Cacá - José Cláudio disse...

Oi, Tati, muito embora eu respeite a sua postura, não me conformo com ela,já que você é daquelas pessoas que acrescentam no aprendizado da gente quando se propõe a reflexões de fundo tão existencial e fecundas. Por outro lado, eu não acho a justificativa de ficar devendo visitas aos outros pelo fato de a visitarem plausível. Pelo menos eu não faço visitas a blogs esperando que me "paguem" com outra visita. Se vou, leio e comento é pelo assunto que me acrescentou, me deu prazer ou me ensinou. Acho que quem me visita também deveria fazê-lo com esse popósito. A vida tem dessas coisas e claro que a gente quer dar reciprocidade para todo o bem que recebemos, mas temos o lado pessoal, , familiar, profissional e (pelo menos espera-se) as pessoas entendem. É uma pena. Gosto muito de interagir com você. Espero que o seu até logo seja mesmo até logo e muito breve.
Um abraço carinhoso. paz e bem.

Mari Hart disse...

Aiii Tatiii!!! Pode parando!!!!! Como asseeeeem?!?! Não pode não! Quer dizer, pode tirar umas férias até vc se reorganizar, mas que volte logo! Blogar tem que ser um prazer espontâneo e não uma obrigação como muitas vezes se torna pela quantidade de leitores que cobram. Qdo vc sentir esse prazer de novo, estarei de braços abertos! Sua linda! =)

Beijooos mil!

Manuela Freitas disse...

Querida amiga Tati,

Ás vezes é preciso fazer opções e eu compreendo como o tempo é veloz!..Mas uma postagem de vez enquanto?
Não pode ser...não pode abandonar os amigos...tem que de vez enquanto vir aqui e dizer um OI!..
Tenho tido dificuldades com o blogger...que me põem os cabelos em pé, para fazer comentários é um problema, isso tem-me afastado também um pouco!
Tati, vai ser mesmo um até logo, valeu?
Beijinhos,
Manu

Luma Rosa disse...

Que peninha! :( Sei bem como se sente porque o blogue se você deixar consome todo o seu tempo e quando estamos online, o tempo escorre pelos dedos! Por isso, sou adepta do Slow Blog e não me estresso com "tenho que postar", "tenho que visitar" - Se blogar, blogue sem estresse, sem obrigações! Pense nisso com carinho, Tati! Beijus,

Tatiana disse...

Ai....Tati, Tati, aquele comentario so me deixou com mais saudades...rs.
Com certeza estaremos em contato e voce me deixou mais esperançosa.
Voce bem sabe o quanto te entendo, o quanto somos parecidas en algumas coisas.
Te adoro amiga!!!

Lúcia Soares disse...

Tati, é um "até breve" apenas.
Tenho essa vontade, também, mas tenho pena de parar, conheci tanta gente boa, é tão bom ter um tempinho e ler o que as pessoas escrevem! Virou um doce vício pra mim.
Espero sua volta.
Beijo na linda família.
Beijo, minha menina!

Karol Nascimento disse...

Fiquei triste!! Desejo boa sorte!! Beijão

Élys disse...

Tati
Você, vai fazer falta, mas de fato, é difícil, as vezes, conciliar a vida real com a virtual. Através dos blogs muitas são as amizades que se faz e sinto que são verdadeiras apesar de serem pela telinha. Algumas vezes pensei em em parar, acabei criando um outro blog.
Um dia, quem sabe, você volta...
Seja muito feliz...
Beijos

Camille disse...

Até logo Tati. Tem horas que nao da mesmo e ai a gente para. Depois volta ou nao volta, ou volta de outro jeito. É assim mesmo!
Beijos e felicidades,
Cam

Lu Souza Brito disse...

Oi Tati,

Vou ficar com o 'até breve", pois espero que volte mesmo. Você é especial, sabe disso. Faço minhas as palavras do Alexandre e da Gi e de tantos outros.
Mas a vida real nos chama e nem sempre dá para conciliar. Também ando com vontade de dar um tempinho, as postagens estão escassas. Mesmo tentando adotar o slow Blog como disse a Luma, a gente fica com aquele sentimento de "puxa vida, nao estou sendo legal em nao me visitar quem me visita".
Um beijo e boa jornada. Mas quando der, apareça.
Meu email é lusouzabritoarrobahotmail.com
Será sempre um prazer manter contato com você!

Nathália (Ná) disse...

Tati minha querida, Até Logo...

Quando e se achar que um dia deve voltar estaremos aqui para recebe-lá.

BJS!

Sandra Portugal disse...

Bem, o que posso dizer, que fiquei bem pensativa com a sua decisão!
Sempre me pergunto o que me motiva a ter um blog?
O que me motiva a postar?
E se parar, se quem vai sentir mais falta serei eu mesma ou os amigos e amigas que fiz.
Sem dúvida, como tudo na vida, tem que valer a pena!
Talvez para você não seja agora o momento, ou já tenha sido o momento, mas deve ter valido o aprendizado!
Estamos aqui te esperando para te reencontrar! bjs e obrigada por ter compartilhado conosco tantas emoções!
bjs Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//

Cristina Ramalho disse...

Oi Tati, td bem flor!! Sei bem como é... Nem tenho entrado para seguir outros blogs por nao conseguir acompanhar todos... Mas vou sentir sua falta por aqui... Mas tbém respeito sua decisão, fico feliz pq já nos tornamos amigas por esse meio de comunicação, e isso vamos levar para sempre dentro de nós... Como vc disse, vamos nos encontrando, de outras maneiras... Deixo aqui meu carinho especial a vc e ao seu blog, adorei compartilhar desses momentos seus registrados aqui... Fica com DEUS amiga... bjo,

Cacá - José Cláudio disse...

Tati, voltei para lhe agradecer a solidariedade e o carinho. Há de passar essa dor, essa nuvem cinzenta cheia de dor e pranto. OBRIGADO SEMPRE, TATI! Abraços. Paz e bem.

VELOSO disse...

Tudo de bom em tudo e sempre sei como é isso é dificil também estou passando por isso mas como disse até logo minha amiga!

Isadora disse...

Oi Tati é difícil nos afastarmos desse espaço, né? Por aqui também fiz boas amizades, e por isso decidi deixar o Tantos Caminhos aberto apenas para alguns poucos amigos, assim tentarei dar um pouco mais de atenção. Infelizmente, esse espaço nos toma muito tempo e a vida real, muitas vezes requer mais de nós.
Um grande beijo e até logo!

Mari disse...

Tati querida,

Andei sumida, mas estou de volta e vim aqui matar as saudades!

Um beijo grande

Cantinho She disse...

Para tudo!!!! Como assim???? Affff vc acaba de perceber que eu tb ando não dando conta da vida real e do Blog. Olha o dia da sua postagem e só hj, dia 16 de Junho, é que vi... Realmente a vida real precisa de muita atenção e por vezes acabamos não conseguindo conciliar com a vida virtual. Optar pela vida real é sempre bom e saudável, isso quando uma delas pede mais atenção, né?!
Bem, o que posso te dizer é que vc foi uma deliciosa surpresa na Blogosfera. Estamos juntas em outros canais, mas confesso que sentirei falta de seus posts. Mas tenho certeza que ainda terei a sua forma de escrever em minha estante de livros... ;)
Beijo, beijo minha querida Tati!
She

Socorro Melo disse...

Olá, Tati!

Foi um grande prazer trocar figurinhas com você. Confesso que aprendi muito aqui. Você escreve super bem e é uma pessoa que questiona, que reflete, que anima, enfim...
Mas, pra tudo tem seu momento. Com certeza você fez a melhor escolha.

Fica com Deus. Paz a toda sua família!

Socorro Melo

Drika disse...

Tati... um bj grande no coração... fica com Deus!

Taia Assunção disse...

Você faz falta...beijocas!

Clara disse...

Oi Tati, será que cheguei tarde?
Tudo bem, eu aguardo sua volta, vou te seguir mesmo assim.
Beijos.

Denise disse...

Tati, passo e aqui tb pra te lembrar de buscar teu mimo.
Te espero!

A diminuição de postagens não impede que a gente se delicie com todo este conteúdo do Perguntas...saudade sim, mas alimento farto!
Beijos, querida.

Inaie disse...

querida, quem passa por aqui, passa pra te encontrar, nao passa esperando visita de retribuicao. Passa pra te ver, pra rir e chorar com voce, passa pra um cafezinho e um cafune.
Por favor escreva quando puder, tenho certeza que muitas de nos vamos ficar felizes.

bj